#04: Explorar vínculos emocionais

Gatorade Replay

Postado por Fabiano Coura em 21/06/10 as 23h00

A TBWA levou 2 GPs com o case Replay para a Gatorade (Promo e PR), promovendo um game histórico 15 anos depois, entre os mesmos times, no mesmo campo, com os mesmos treinadores e com os mesmos jogadores. Além de juntar todo mundo, a marca realizou o treinamento para deixar todos os jogadores em forma para o jogo, gerando um conteúdo envolvente e emocional. O insight é incrível: todo grande atleta, de qualquer esporte, sempre tem uma partida no passado que gostaria de ter a chance de realizar novamente - "Todo mundo merece uma segunda chance". O jogo lotou o estádio e, segundo a descrição do case, gerou um incremento de 63% nas vendas do produto, juntamente com mais de US$3,4 milhões de retorno em earned media.

O que está por trás do melhor trabalho do mundo?

Postado por Fabiano Coura em 23/06/09 as 08h24

A CummisNitro tá levando um monte de prêmios aqui com o projeto “Best job of the World”. Como você muito possivelmente já conhece o case, resolvi escrever um pouco sobre uma reflexão que estava fazendo sobre o porquê desse case ser tão DUCA. A conclusão mais óbvia é a de que talvez essa tenha sido verdadeiramente a primeira campanha completamente baseada em PR e Internet [não estou falando de filminhos virais ou fenômenos da mídia] que foi conhecida realmente em um nível global. Sua estratégia está absolutamente em linha com o que de fato funciona hoje em dia em termos de comunicação e também faz o melhor uso possível de cada canal para amplificar a mensagem da campanha e o engajamento das pessoas com o projeto [aka engagement planning]. Mas mais do que isso, a campanha está completamente focada em uma necessidade humana evidente e, ao mesmo tempo, sub aproveitada quando o assunto é VENDER: as pessoas querem ser felizes PELO AMOR DE DEUS. Pense um pouco sobre isso. Pense porque você gostaria de ter o “melhor trabalho do mundo”? After all, não é porque você quer fugir da vida das grandes capitais. É por que você quer ser feliz. PONTO. Veja que todas as conversas geradas em torno desse projeto, tanto no mundo online, quanto no offline, estão baseadas nessa idéia central, ou seja, na capacidade que a agência teve de explorar essa que é a maior de todas as necessidades humanas. O trabalho oferecido na Ilha Hamilton representa tudo o que muitas das pessoas querem ter em sua vida: sorte, liberdade, tranqüilidade, luxo, paz, tempo, natureza... Você pode listar mais um monte deles aqui. E, obviamente, todas elas somam para o produto final: FELICIDADE. Portanto, se você quer ser feliz também em sua profissão, explore a criação de conteúdos, serviços agregados através da comunicação ou entretenimento para ajudar seus consumidores a encontrarem a tão sonhada felicidade.
Por fim, se você ainda não conhece o case, veja o filme abaixo e acompanhe o dia-a-dia do “infeliz” vencedor da competição nesse blog aqui.

Adidas: Unidos pelo sangue (literalmente)

Postado por Fabiano Coura em 05/10/07 as 19h00

Adidasbondedbyblood

O briefing foi “simples”: encontrar uma grande idéia para refletir a forte ligação entre o sangrento time de rugby neozelandês “All Blacks” e seus fãs, tendo a marca como protagonista dessa mensagem emocional.

Aproveitando a oportunidade, a agência não somente desenvolveu uma campanha para isso, como também criou um gimmick promocional único, que gerou um enorme incremento de tráfego nas lojas: um pôster impresso com uma tinta especial que continha o sangue de cada um dos jogadores do time em sua fórmula.

Sucesso promocional absoluto, os 8.000 posters se esgotaram rapidamente e ainda hoje podem ser encontrados a venda em sites como o eBay (veja aqui).

North Face: No Pain, No Gain

Postado por Fabiano Coura em 04/10/07 as 19h24

A North Face é uma marca premium de material esportivo e roupas para atividades outdoor. Com seu crescimento, parte dos consumidores japoneses começaram a percebê-la como uma marca “fashion”, o que despertou na empresa a necessidade de reverter esse movimento, uma vez que temiam que seu forte DNA fosse dissolvido e que esse “modismo” pudesse comprometer o posicionamento da marca e suas vendas no longo prazo.

Para resgatar sua imagem e se re-conectar com montanhistas – seus target principal – desenvolveram uma promoção bastante curiosa, sob uma mecânica bem simples: Compre um produto North Face e ganhe uma “bandana” exclusiva. O ponto inusitado é que para que o consumidor pudesse resgatar seu prêmio, ele teria que postar um cupom em uma urna no alto do Monte Fuji!

North_face_mt_fuji

© 2010 Fabiano Coura | Todos os direitos reservados | No ar desde outubro de 2006