« Anterior | Voltar | Próximo »

AC/DC em macro de Excel

Postado por Fabiano Coura em 26/10/08 as 18h23

Os vídeos musicais muitas vezes são explorados como espaço de laboratório por artistas e novos diretores ávidos por inovar e testar novas linguagens e caminhos. Eu acho que isso ocorre, pois bandas demandam muito mais inovação do que se permitem as empresas e suas marcas. Esse ano tivemos o maravilhoso trabalho do Radiohead, com o clipe House of Cards, com quase 5 milhões de visualizações no YouTube so far, e criado através da visualização de informações coletadas com o uso de uma tecnologia que captura dados em 3D dos objetos, cenas e rostos dos artistas.

A banda australiana AC/DC resolveu surfar essa onda e está lançando o primeiro vídeo clipe em Excel do mundo. Além do fato de que um arquivo desse tipo pode muito mais facilmente invadir um ambiente corporativo (sim, conheço muita gente que não pode acessar YouTube do trabalho) não vejo nenhum outro motivo pelo qual uma pessoa normal curtiria assistir um clipe de rock dentro do Excel. Anyway, como tudo aquilo que nunca foi feito antes dificilmente passa direto pelo nosso radar, me parece um recurso interessante para chamar a atenção para um lançamento de uma banda que há muito tempo não gravava e declara continuamente que não se dá muito bem com esse novo cenário do mercado fonográfico em que pessoas baixam músicas e tal.

Animação em ASCII não é algo inovador. Há muito, mas muito tempo atrás, eu assisti o trabalho de um doido que recriou trechos do Star Wars em caracteres (iniciado em 1997) - e foi feito tudo na mão mesmo, sem tecnologia para transformar imagens em texto (aqui) , como parece ter sido nesse trabalho do AC/DC.

Anyway, Angus Young Rocks. Baixe o formato original no site aqui ou assista um trecho no vídeo abaixo.

Comentários

Esse post não aceita comentários.

© 2010 Fabiano Coura | Todos os direitos reservados | No ar desde outubro de 2006